II TA Basquetebol: Dribles decisivos

Galitos e Aristides Hall foram os panos de fundo do 2º Torneio de Apuramento para as fases finais do Campeonato Nacional Universitário de Basquetebol. A competição decorreu em Aveiro, nos dias 23 e 24 de Fevereiro, e foi disputada no feminino e no masculino.


Com o objectivo das fases finais cada vez mais perto, as equipas entraram em campo. No masculino, AAUAv e AAUBI estão assim qualificadas para as Fases Finais do Campeonato Nacional Universitário. Para as fases de repescagem seguem as equipas da Académica de Coimbra e a Académica do Minho.

Já na competição feminina, U.Porto, AAUAv, Politécnico de Coimbra e AAUM, que conquistaram o seu lugar na fase final, a realizar, em meados de Abril, em Matosinhos. O Politécnico do Porto, sendo a equipa da casa nas fases finais, garante participação directa na prova.

No feminino, o nível competitivo foi muito semelhante ao I Torneio de Apuramento, realizado a 19 e 20 de Novembro na cidade berço, Guimarães. A final do torneio foi um “dejavú” da Final do CNU’09, onde se encontraram mais uma vez as vizinhas U.Porto e Politécnico do Porto. Sem margem para dúvidas, o IPP mostrou superioridade com 72 pontos no marcador, contra os 21 da equipa da UP.

Pela negativa, as duas equipas mais fracas foram as minhotas e a equipa da Covilhã. De lamentar, também, a falta de comparência da AAUTAD.




A Competição em primeira mão

João Casanova, jogador da equipa da casa, afirma “cumprimos o objectivo para este torneio, ficar em segundo lugar para garantir o apuramento sem grandes matemáticas”.

Há 5 anos por estas andanças de CNU’s, conseguiu na equipa da AAUAv um título de Vice-campeão, um 3º lugar e dois títulos consecutivos de Campeão Nacional Universitário. “De facto é para ganhar, não há outra solução!”, afirma o atleta.

Com o objectivo de renovar o título uma terceira vez, comenta que a equipa tem desenvolvido um projecto de reforço no conteúdo federado e até já se pensa na próxima época.

O segredo para elevar a fasquia? O esforço pessoal dos jogadores e o esforço financeiro, da academia e dos clubes são as principais características desta equipa, refere o jogador da AAUAv.



“A qualidade aumentou”, para João Casanova, a grande surpresa deste ano foi a equipa da AAUBI, “uma equipa verdinha no meio universitário mas são sem dúvida um dos principais candidatos a vencer o CNU”.

Na sua opinião, os Minhotos apesar de serem uma equipa competitiva, este ano estão mais fracos. Por outro lado, os pupilos do Professor Robalo mostraram-se mais fortes, mais coesos apesar do treinador da Académica de Coimbra, não ter estado presente na maioria dos jogos, “o que pode deixar a equipa desamparada”, comenta.

Em quase todas as modalidades no desporto universitário, os modelos de jogo não seguem os mesmos parâmetros do federado. O Basquetebol não é excepção, “no campeonato universitário, só existem 2 tempos e por vezes as equipas só ao 3º e 4º tempo é que conseguem entrar no ritmo de jogo”, refere o atleta.
e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?