CNU ESCALADA: ULisboa e UPorto no topo do pódio

Um Domingo solarengo deu ao Campeonato Nacional de Escalada outra cor. A primeira prova oficial universitária no recente Monólito do Campus de Gualtar da Universidade do Minho, recebeu mais de 30 atletas na cidade de Braga.
Com a vontade de chegar ao topo do pódio, Manuel Carvalho da Universidade do Porto e Lenka Wiedenová, da Universidade de Lisboa, foram os grandes vencedores.




A completar o pódio feminino, Ana Isabel Costa, da UPorto e Ana Clemente da ULisboa, conquistaram a Medalha de Prata e de Bronze, respectivamente.




5 Meses de prática e uma Medalha de Ouro


Lenka Wiedenová, Campeã Nacional Universitária, é aluna de Erasmus da Republica Checa na Universidade de Lisboa. Praticou pela primeira vez a modalidade em Portugal, à 5 meses. “Um amigo da República Checa disse-me para experimentar, comecei a entrar na onda e gostei bastante”, afirma.

Na República Checa praticava esqui e era instrutora de crianças, como trabalho de Inverno. Andava de bicicleta como meio de transporte, corria nas horas livres e fazia equitação a nível federado.

Quanto à prova, Lenka refere que foi uma luta muito grande. "Não esperava conseguir, queria ter ido mais acima, mas era muito difícil", diz. Esta foi a sua primeira competição universitária e o ambiente competitivo não podia ser melhor. "Todos ajudaram e apoiaram-me muito", comenta, "ás vezes pensas que não consegues alcançar uma presa, mas tens mais força do que imaginas".

Para além de Manuel Carvalho, também no pódio masculino, em 2º lugar, Pedro Soares, e em 3º, Nuno Capela, ambos alunos da AAUM.




"Déjà-vu" Universitário

Bi-Campeão Nacional Universitário, Manuel Carvalho é estudante de Filosofia na Universidade do Porto. Pela segunda vez, também o seu lugar no pódio decidiu-se por desempate. "Já o ano passado foi igual, tive de ir à super final para desempatar com um colega da minha Universidade”, conta, “foi bom conseguir o título pela segunda vez”.

Atleta federado, comenta que a competição universitária é bastante diferente. O nível competitivo federado é muito mais pesado e os atletas são bem mais fortes.

O reconhecimento da modalidade está a dar os primeiros passos. Na escalada, aos poucos e poucos, vão aparecendo novas promessas que elevam a dificuldade e a modalidade no nosso país. Refere que a nível de competições internacionais tem-se evoluído bastante. “Vamos ver se algum dia também a escalada vai lá fora a nível universitário”, afirma.

Na Universidade do Porto, repara que o nível de interesse dos alunos aumenta. É instrutor da modalidade na instituição e tem bastantes alunos. “A nível do apoio, é um bocado reduzido. “Costuma-se dizer que a escalada é uma modalidade pobre, pois tem poucos alunos em comparação com outras modalidades”.

Contudo, a faculdade dá bons benefícios a quem pratica desporto universitário, enumerando, “os estatutos, o ambiente, os sítios para treinar”.
e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?