Voleibol e ténis chegaram esta terça-feira

 

Com a contagem decrescente a dar as últimas para que comece a 30.ª Universíada de Verão Nápoles 2019, foi a vez de chegarem as comitivas do ténis e do voleibol masculino. Os tenistas chegam para competir na cidade napolitana, a equipa orientada por João José competirá em Salerno. Antes disso, foi tempo de hastear a bandeira portuguesa na Stazione Marittima, em Nápoles, onde estão ancorados os navios cruzeiro que servem de casa a milhares de atletas-estudantes por estes dias.

 

Portugal compete em duas modalidades nesta edição da Universíada de Verão e uma delas é o voleibol masculino. Dos convocados para dar o melhor na quadra por Portugal, está Miguel Sinfrónio, central que alinha pelo Sport Lisboa e Benfica, e aluno na Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, onde frequenta a licenciatura em Ciências Políticas e Relações Internacionais. ‘As equipas que estão no nosso grupo são muito boas, os Estados Unidos e a Rússia têm sempre bons desempenhos e a Coreia e a China também são grandes equipas, embora não sejam tão ‘grandes’ em termos de altura. A meu ver temos boas hipóteses de passar à próxima fase, se conseguirmos manter o foco. Vão ser jogos muito disputados. O ambiente da equipa é espetacular, brincamos quando temos de brincar e jogamos quando temos de jogar, sempre com objetivos mas também com vontade de desfrutar da modalidade que amamos. A competição em si que tem particularidades muito especiais’.

 

Ana Santos, atleta do Clube de Ténis do Paço do Lumiar que ocupou o terceiro posto nos Jogos Europeus em Coimbra e que frequenta mestrado de Engenharia de Micro e Nanotecnologias na Universidade Nova de Lisboa, também foi uma das estudantes-atletas que chegou hoje e falou das primeiras impressões. ‘Já participei em alguns europeus universitários, pela Seleção Nacional participei em alguns europeus individuais e de equipas, como os CPLP, mas cada competição é diferente e vai ser uma experiência única!’, vaticinou à chegada. ‘Empenho, muita garra e muita competitividade’ são as palavras de ordem da tenista, que vê nesta chamada uma oportunidade única. ‘Ser atleta e estudante é uma mais valia para todos! Claro que não é fácil mas ter a oportunidade de disputar competições como esta, onde não só representamos a nossa universidade mas também o nosso país, é uma grande mais valia e um orgulho enorme’ salientou, mostrando-se grata pela chamada a Itália.

 

Esta terça-feira teve ainda lugar a cerimónia de hastear da bandeira, junto ao cais da Stazione Marittima, onde Portugal marcou presença com uma comitiva composta por várias modalidades e respetivos atletas e oficiais. A cerimónia de abertura está marcada para a noite desta quarta-feira, no estádio San Paolo. 

 

De referir que a competição arranca já amanhã. Bernardo Almeida e Guilherme Campos (ginástica artística, 10 horas, menos uma em Portugal continental) e a equipa de basquetebol feminino, que defronta a equipa da Argentina na primeira jornada do grupo B às 10h30 (09h30 em Portugal continental), serão os primeiros a competir. 

e-max.it: your social media marketing partner

Apoios institucionais

                          

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

CISION

Membro

EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
FADU

 

Aveiro

Avenida Santa Joana, nº 67 e 69

3810-329, Aveiro

tel: (+351) 234 421 125

 

Lisboa

Avenida Professor Egas Moniz

Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1

1600-190, Lisboa

tel: (+351) 217 818 160

 

e.mail: fadu@fadu.pt

 

 

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?