13º CMU Taekwondo: Rui Bragança entra em ação



11 De junho, em Hohhot, China, foi dia do atleta Rui Bragança entrar no tatami do 13º Campeonato Mundial Universitário de Taekwondo. A competir na categoria de -58 kg, o atleta minhoto entrou a vencer, mas perdeu o 2º combate por Kyongo, frente ao Sul-coreano, Unyeong Choi.

Após a chegada, os primeiros dias foram marcados pelo reconhecimento dos recintos de competição e pelo ultimar de preparativos. Depois do descanso após quase 30 horas de viagem, os atletas tiveram oportunidade de treinar no Inner Mongolia Gymnasium. A véspera da competição é também dia de pesagens, de forma a confirmar a categoria em que os atletas participam.



O dia de competição arrancou bem cedo, com a chegada ao recinto de competição. Após a primeira ronda de combates, era chegada a altura do atleta Rui Bragança se apresentar frente ao atleta turco, Huseyin Bezci. Este foi um combate que se aguardava com grande expectativa, já que se tratava do Vice-campeão Europeu Universitário. Refletiu-se assim num combate muito técnico-tático contra um atleta inteligente e experiente, onde o Rui Bragança levaria a melhor por 2-1.

No 2º combate, o estudante de medicina teve como adversário o sul-coreano, Unyeong Choi. Rui Bragança estava a ganhar o combate por 12-9 e a controlar bem o resultado, contudo, devido ao limite de faltas, perderia por Kyongo. Unyeong Choi viria a sagrar-se Campeão do Mundo Universitário desta categoria.

Para Mário Silva, também atleta da Universidade do Minho, os dias têm sido ocupados por treinos e períodos de descanso para amanhã, dia 12, se apresentar nas pesagens. O dia 13 de junho é dia de combates da sua categoria, -63 kg.




“As competições universitárias têm sempre um ambiente diferente”

Rui Bragança, natural de Guimarães, é estudante de Medicina na Universidade do Minho e frequenta o 4º ano. Pratica Taekwondo desde 2005 e é federado pelo ABC de Braga. A sua melhor classificação foi recentemente conseguida, ao sagrar-se Campeão Europeu 2014. Este foi também o seu melhor momento desportivo até hoje.

Em 2010 participou no Mundial Universitário em Vigo, Espanha, e em 2011, nas Universíadas de Shenzhen, China, onde obteve o 5º lugar em ambas as provas. Uma prova desta dimensão já não é novidade mas “a sensação é sempre muito boa. As competições universitárias têm sempre um ambiente diferente pelo que é sempre um prazer poder participar”.

Apesar de já ter terminado o percurso neste mundial, o atleta reconhece que “não conheço alguns atletas asiáticos, mas sei dizer que me espera um nível muito alto”. A juntar a este fator, “experimentar os novos coletes eletrónicos não permite ter tanta noção de como vai ser a prova”.

Para o Campeão Europeu Universitário de 2011 e medalha de Bronze em 2013, Rui Bragança tinha como primeiro objetivo ganhar o combate contra quem saísse do combate entre Turquia e Espanha, que se veio a concretizar, contudo ficou bastante desiludido com o resultado do seu 2º combate, quando estava perto da vitória. Termina este mundial em 5º lugar.

e-max.it: your social media marketing partner
 

Apoios Institucionais

Governo Português
IPDJ

Patrocionador Principal

Jogos Santa Casa

Parceiros

COSMOS
CISION

Membro

FISU
EUSA
COP
CPP
CDP
CNJ
FADU

Avenida Professor Egas Moniz
Estádio Universitário de Lisboa, Pavilhão nº1
1600-190 - Lisboa

e: fadu@fadu.pt
t: (+351) 21 781 81 60
f: (+351) 21 781 81 61

Newsletters

Social

ptenfr

FADU - Todos os Direitos Reservados © 2015
Desenvolvido por Drop Agency

Este website utiliza cookies que permitem melhorar a sua navegação. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. O que são Cookies?